Veja meu novo Vídeo

​"3"

Já disponível em todas as plataformas digitais.

Quem folhear o encarte do CD '3', novo trabalho do cantor, compositor e produtor musical Claudio Martos, e se surpreender ao ver ali “Te Encuentro Más Tarde” uma canção escrita e cantada em espanhol, acredite: há uma explicação, e bem simples. Claudio nasceu na terra de Maradona, mais precisamente na cidade de Buenos Aires, e veio para São Paulo aos seis anos junto com os pais e o irmão Marcelo. E se a música foi o caminho que o garoto tímido e introspectivo buscou para se socializar e fazer amigos, nela achou muito mais do que isso, encontrou seu caminho e sua vocação. Ainda muito novo, mergulhou no maravilhoso mundo das notas, sons e acordes, tocando violão, cantando e arriscando as primeiras composições. O primeiro grande projeto musical surgiu no final de 2000 quando aceitou, junto com seu irmão e alguns amigos, o desafio de produzir e gravar o primeiro trabalho do músico Tuta Moraes, o CD Da Montanha.

Co-Criador junto a Marcelo Martos, Davi Julião e Alexandre Viriato do selo Buena Onda, em 2006 começou a produzir o seu próprio trabalho. Os que conhecem a fundo a vida de Cláudio sabem que Tufano - nome do seu primeiro CD e redução da expressão “Tudo se faz novo” - é muito mais que um mero nome criativo de álbum, e representa a ruptura do artista com as coisas que ficaram pra trás, depositadas sob o altar do Pai; o reconhecimento da providência e do cuidado do Deus, que é glorificado em cada verso do CD.

Após co-produzir “Dedo de Prosa” sexto trabalho do cantor e compositor Silvestre Kuhlmann, Cláudio iniciou a produção do seu segundo trabalho. O disco “Vida Verdadeira” voltado a Música Brasileira e Espiritualidade. O álbum foi gravado nos estúdios Buena Onda e Na Cena, e juntou um time de primeira: Emílio Mendonça, Silvestre Kuhlmann , Davi Julião, Marcelo Martos, Jonas Souza e os irmãos Alê e Rodrigo Viriato, além dos músicos convidados Gilson Oliveira e Jorge Ervolini

Após um hiato de 7 anos, Claudio, volta ao Estúdio Buena Onda para gravar seu novo projeto musical que recebeu o sugestivo nome '3', onde fala sobre aspectos da vida cotidiana, como devoção, amor, crise, raiva, morte, tristeza e alegria. A nossa humanidade como ela é. 

 

 

A resposta sobre por que batizou o projeto com o nome de Três, é certeira. “É o meu terceiro disco. O disco é tocado por um trio (piano, baixo e bateria). Nós somos 1 – Corpo, 2- Alma e 3- Espírito. Deus é 1 – Pai, 2 – Filho e 3 - Espírito Santo” 

  • Google Play
  • Apple Music
  • Spotify
  • Deezer
  • Facebook Basic Black
  • Black Instagram Icon
  • Twitter Basic Black
  • Black YouTube Icon
  • SoundCloud Basic Black

© BuenaOnda.